Este blog está encerrado.

O autor continua a publicar em http://jvnande.com.

Se quiser ler uma selecção de textos, clique aqui.

O artigo de Teresa de Sousa no Público de hoje perde interesse, na medida em que a Comissão não visa a representação de interesses nacionais, muito menos na pessoa do seu presidente. Ganha interesse na medida em que Durão Barroso pode representar, enquanto titular do cargo de maior importância da União Europeia, um equilíbrio de forças que trave o avanço da força dos grandes perante os pequenos e médios países. Mas a subserviência que o ainda primeiro-ministro mostrou na cimeira atlântica e em tudo o que se seguiu revela alguém que prefere demasiado a negociação diplomática e o contorno de princípios.

É claro que encontro muita ironia no facto de o presidente de um partido que preferiu a publicidade ao Euro 2004 ao combate à abstenção nas eleições europeias ser chamado para um cargo destes. A questão que se coloca, obviamente, já não é se Durão deve ou não sair. O dado está adquirido. A questão é por quem e como deve ele ser substituído. A maioria parlamentar e a visão por Jorge Sampaio de uma forma de governo de cariz parlamentar impedirão as eleições antecipadas. Apesar de tudo, não é isto que me repugna. Eu, simplesmente, não quero Santana Lopes como meu primeiro-ministro. E presumo que quem votou Durão Barroso nas últimas eleições legislativas também não o quereria. Ao fim e ao cabo, o que acontecerá no fundo será a constituição de um governo que não teve legitimação pelo voto. Pressionar Jorge Sampaio às eleições antecipadas? Isso é fortalecer a posição presidencial e enfraquecer a posição do Parlamento - algo não muito democrático.

Pergunto-me se me sentiria tão indignado se a personalidade escolhida para próximo primeiro-ministro não fosse Santana Lopes. E quanto mais me sentiria se fosse Paulo Portas?

0 Comentários:

Enviar um comentário

<< Home

« Home | Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »


jorge vaz nande | homepage | del.icio.us | bloglines | facebook | e-mail | ligações |

Novembro 2003 Dezembro 2003 Janeiro 2004 Fevereiro 2004 Março 2004 Abril 2004 Maio 2004 Junho 2004 Julho 2004 Agosto 2004 Setembro 2004 Outubro 2004 Novembro 2004 Dezembro 2004 Janeiro 2005 Fevereiro 2005 Março 2005 Abril 2005 Maio 2005 Junho 2005 Julho 2005 Agosto 2005 Setembro 2005 Outubro 2005 Novembro 2005 Dezembro 2005 Janeiro 2006 Fevereiro 2006 Março 2006 Abril 2006 Maio 2006 Junho 2006 Julho 2006 Agosto 2006 Setembro 2006 Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009