Este blog está encerrado.

O autor continua a publicar em http://jvnande.com.

Se quiser ler uma selecção de textos, clique aqui.

a oficina

De sexta-feira a hoje, orientei 16 crianças numa oficina de curtas-metragens com telemóveis. Organizadas em grupos, escreveram, filmaram e montaram quatro filmes, com estilos que vão do terror avant-garde à comédia romântica. Foi em Monção, a minha terra natal, mesmo aqui no norte, ao ladinho de Espanha. Meus amigos, foi das coisas que me deu mais gozo fazer. Eu cresci numa vila sem cinema, sem auditório e com uma biblioteca da Gulbenkian de poucas estantes. Detesto o paleio do estilo "no meu tempo divertíamo-nos e não tínhamos nada". O caraças. No meu tempo, chateávamo-nos e víamos televisão. Não tínhamos ninguém que nos viesse dizer "podes fazer isto", "isto faz-se assim" ou "está bom, continua" ou "vê lá se assim não fica melhor" e não tínhamos sítio onde isso pudesse ser dito. Agora há uma biblioteca com DVD's, CD's e computadores. Agora há uma escola profissional com um auditório bem porreiro, que descobri na sexta-feira com a exibição do excelente Waiting For Europe. Podia-se resmungar "estes miúdos agora não sabem a sorte que têm". Pois ainda bem que não sabem. Para se saberem sortes, já bastam as más. Ao passar-lhes um bocadinho do pouco que aprendi, do que gostaria de ter feito quando tinha a idade deles, eu ganho mais um pouco sobre o lado negro de mim. As vezes guardadas de ouvir "aqui não vale a pena", "aqui os miúdos não querem saber disso" - quando vejo 16 putos a escreverem guiões em meia hora e a sacarem da cartola cavaleiros, diabos, princesas, amantes, murros, ciúmes e risos, a terem ideias para filmagens que envolvem filtros e caracterizações e sonoplastias, quando isso acontece dou bofetadas bem fortes naquelas vezes. Houve quem dissesse "quem diria que eles conseguiam". Espero bem que o digam tantas vezes até deixarem de o dizer. A malta esteve de parabéns - porra, e eu também.

0 Comentários:

Enviar um comentário

<< Home

« Home | Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »


jorge vaz nande | homepage | del.icio.us | bloglines | facebook | e-mail | ligações |

Novembro 2003 Dezembro 2003 Janeiro 2004 Fevereiro 2004 Março 2004 Abril 2004 Maio 2004 Junho 2004 Julho 2004 Agosto 2004 Setembro 2004 Outubro 2004 Novembro 2004 Dezembro 2004 Janeiro 2005 Fevereiro 2005 Março 2005 Abril 2005 Maio 2005 Junho 2005 Julho 2005 Agosto 2005 Setembro 2005 Outubro 2005 Novembro 2005 Dezembro 2005 Janeiro 2006 Fevereiro 2006 Março 2006 Abril 2006 Maio 2006 Junho 2006 Julho 2006 Agosto 2006 Setembro 2006 Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009